25 julho, 2003

 

O SUBMUNDO DE NIKOLAS # II


 

(e-zine de periodicidade devezenquandária e imprevisível, partícula de insignificância em um mundo sem sentido)

DIREITO DE RESPOSTA

I. O e-zine Supramundo nos acusa de seguir e copiar o exemplo de e-zines preexistentes, apontando nossa “falta de originalidade”, à imagem e semelhança de um deputado pefelista bradando pelos direitos dos servidores públicos e criticando os juros altos. Faça o que eu digo, não faça o que eu faço.

II. Se quedam indignados diante de nossa “falta de conteúdo”, quando por sua vez vivem e respiram em função desta publicação. O Submundo ® é uno e indivisível, se basta; o concorrente apenas parasita nosso sucesso.

III. Von Millus, ou “o animal antes conhecido como H. Milen”, não é o inventor do e-zine, nem o primeiro a tecer odes a Kubrick ou a Joy Division, como quer fazer imaginar.

IV. O editor deste e-zine nega qualquer envolvimento com outras publicações do gênero, ao contrário das calúnias proferidas pelo concorrente.

* * OSd * *

UM SUBMUNDO DE GENEROSIDADE

Quase me comovi ao saber que o Supramundo atinge a tão ínfimo público, se comparado à minha ampla base de leitores que cresce a cada dia. É triste ver um ex-aliado jogado às traças, falando com as paredes como um cantor sertanejo corneado. Portanto, em um ato de generosidade, decidi conceder-lhe, a preços simbólicos, minha carteira de assinantes. Conclamo-lhes que não deletem eventuais e-mails com o título “Supramundo”, enviados por um certo “Von Millus”, pois como diria Rousseau, “posso discordar de tudo o que diz, mas defenderei até o fim o direito de dizê-lo”.

** OSd * *

O RETORNO DE JOTA PÊ, A OVELHA NEGRA

JP Martins, o garoto problema, vive um dilema entre ler ou não este não-períodico. Segundo o ex-burocrata, a leitura de pequenas notas, como as que compõem esta missiva, provoca “pausas forçadas nas sinapses cerebrais”. Além disso, o Submundo ® estaria “empregnado (sic!) de intenções preconceituosas e, ao mesmo tempo, verossímeis”. Não se aflija, João Paulo: a simples leitura do Submundo ® jamais poderá transformar seu cérebro em algo mais prejudicado do que já é.



* * OSd * *

O SUBMUNDO ® COMENTA AS MANCHETES DA SEMANA

“AMERICANOS EXIBEM FOTOS DOS FILHOS DE SADDAM MORTOS PRA CONVENCER POPULAÇÃO IRAQUIANA”

O que virá a seguir? Vão pendurar as cabeças deles no alto de grandes mastros em Bagdá, espalhar partes dos corpos pelas cidades iraquianas, salgar a terra da cidade em que nasceram e amaldiçoar o remanescente do clã até a 18ª geração? Felizes somos por poder assistir ao progresso da humanidade.

“ LÍDER DO PFL JOSÉ CARLOS ALELUIA CONDENA A TRUCULÊNCIA DOS PMs DENTRO DO CONGRESSO NACIONAL”

Deve estar saudoso, este nobre deputado, dos tempos em que o presidente do Senado era do partido dele. ACM não chamava a polícia para fazer o trabalho sujo: ele pessoalmente ia lá dar porrada em professora subversiva.

* * OSd * *

AS MENTIRAS QUE OS HOMENS CONTAM

Já estão querendo vender o assassinato do fotógrafo da Época num acampamento em São Bernardo como desculpa para massacre de sem-terra subversivo. Antes de qualquer investigação aprofundada sobre o assunto, já tem neguinho dizendo que o crime é reflexo da violência, da anarquia e da sodomia que tomou conta do MST e que alguma “ação enérgica” precisa ser tomada (leia-se por “ação enérgica” gambé descendo o cacete em barbudo). O governador Alkmin chegou aos limites da baboseira ao dizer que “a violência do campo estava perigosamente chegando nas cidades”, como se Sampa fosse uma bucólica paisagem de tranqüilidade antes de uns favelados levantarem barracas de lona num terreno baldio. Ficamos daqui em nossa ignorância, sem entender o que um lavrador desdentado acampado num latifúndio em Tocantins tem a ver com mais um homicídio em São Paulo, que pode muito bem ter sido praticado por um assaltante em rota de fuga, como aponta uma das hipóteses para o episódio.

No mais, registre-se a total falta de respeito das Organizações Globo por seu profissional, ao exibir despudoradamente em seus telejornais as imagens do fotógrafo mortalmente baleado. Sensacionalistas são os outros, pois sim.

* * OSd * *

O SUBMUNDO® RECOMENDA:

- PROS ÓIO

- BRAZIL BEYOND CITIZEN KANE – Badalado documentário do inglês Simon Hartog sobre as relações promíscuas da Rede Globo com nossos podres poderes, produzido em 1993 e até a data não exibido na terra do mico-leão dourado graças às ações judiciais bancadas pelo próprio Dr. Roberto. Obrigado, magistrados, vocês realmente fazem jus aos seus salários e pensões de 5 dígitos! Cópias piratas legendadas podem ser encontradas em alguns diretórios acadêmicos e sindicatos espalhados por aí. Internet que é bom, necas!

- PROS OVIDO

- DEEP PURPLE – O bom e velho rock inconseqüente e irresponsável dos setenta, passando por geniais fases instrumentais e melancólicas. Da mesma escola do Led Zepellin, portanto. Um clássico, porque chega uma hora que novidades dão no saco. Para iniciantes, “Smoke on the Water” e “Highway Star”.

* * OSd * *

JABACULÊ

O Submundo ® não é DST, mas vocês podem transmiti-lo aos seus amados. Façam parte de algo importante, ajudem a espalhar o Submundo ® pelo mundo. Estamos contratando tradutores para o inglês e mandarim: regime de trabalho semi-escravo recompensado por ações ordinárias do Submundo ® , sem direito a voto. Alguém se habilita?

* * OSd * *

“ Millôr: enfim um escritor sem estilo”

(do site “Daily Míllor” – www.uol.com.br/millor )

* * OSd * *

Cafunés, chamegos, ofertas de emprego e entregas de pizza no twogalos@hotmail.com

Aguardem a próxima edição do SUBMUNDO ® no Armaggedon, no Juízo Final, ou sei lá. O SUBMUNDO ® é como cunhado chato, não tem hora pra chegar.

O SUBMUNDO DE NIKOLAS  é mais uma criação genial de Nikolas Spagnol de Oliveira, experiente comentarista de purrinha, consultor free-lancer de jogadores de Banco Imobiliário e ex-integrante do PSTU expulso por radicalismo. Todos os direitos reservados (mas pode copiar tudo se você quiser...).

 

 

Faça seu comentário aqui, se nada deu certo: Postar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?